sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Change the life - 7º capitulo

          O resgate demorou, a cada segundo a situação que já estava ruim ficava cada vez pior, o coração angustiado diminuía o seu ritmo, as forças que já estavam poucas ficaram prestes a se esgotar e a respiração se tornava um desafio, Liam tinha que lutar pela sua vida, até a ultima gota de sangue que houvesse em seu corpo e até o ultimo suspiro que saísse do seu peito. Apelando pela fé, rezando como um fiel devoto até que a sua crendice poderia, futuramente, ser lembrada como um delírio:
          Uma pessoa ficou ao seu lado, conversando sobre a vida, como se não quisesse que Liam se entregasse, comentando sobre os erros. De tando puxar papo, Liam ficou curioso para saber quem era quela pessoa que não largara ele naquele buraco frio e escuro, mas antes que ele pudesse ter uma resposta, a tal pessoa se levantou abriu as assas e foi emborra e logo em seguida o resgate chegou, com guinchos, ambulância, bombeiros e todas as parafernálias.

 

          Harry só teve um motivo para não se entregar, pois ele viu que os corpos não eram do Zayn e da Laryssa, mas logo quando chegou em casa soube que Liam tinha tentado se matar e as lagrimas voltaram a brotar dos seus olhos. Depois disso os olhos do mundo todo se voltaram para o Brasil e toda a história do sumiço, traição, tentativa de suicídio e brigas se espalhou, muitas historias foram criadas, a maioria delas rumores, o boato era de que Zayn estaria namorando com Lary e que eles teriam fugido para poder se casar, já que Harry não permitira que a irmã se casasse com Zayn por causa de alguns segredos íntimos do cara. Tal historia não estaria completamente errada.
          Depois de certo tempo convivendo diariamente, indo tomar banho de rio, andando pela mata, ajudando a cuidar dos indiozinhos criou um certo clima de romance, mesmo sem que eles se dessem conta, eles estavam se olhando de uma forma diferente, aos poucos a relação deles começou a desenvolver uma especie de carinho, cada vez mais.
          Até que certo dia Zayn percebeu que aquela sensação estranha na barriga não era por causa das iguarias e sim por causa de um afeto, um amor, uma paixão que ardia em suma e tudo isso seria por uma garota que ele pensava ser somente sua amiga, agora bastava-lhe saber se esse amor seria correspondido.
          Tomar a iniciativa era realmente um desafio para um tímido, mas certo dia, na cachoeira, ele tomou coragem, porque aquele momento seria a sua deixa. Então ele chegou como sempre, mas determinado a mudar a sua rotina. Ela estava dentro d'água com roupa e tudo, então ele tirou a camisa e entrou junto, daí ele chegou por traz e tampou os olhos dela:

Zayn: Adivinha quem é?
Laryssa: Ha, da próxima faz uma mais difícil. É o Zaza!
Zayn: Como você sabe?
Laryssa: Sabendo!

           Dai, Laryssa se virou e ficou de frente com Zayn, ficou cara à cara, mas ele não teve coragem de falar olhando no olho dela e a abraçou bem forte como se tivesse segurando o seu mundo e cochichou:

Zayn: Eu preciso te falar uma coisa.
Laryssa: O que?
Zayn: Eu não sei como é que eu posso te disser isso mas...
Laryssa: Vai desembucha!
Zayn: Fale comigo sempre que você estiver triste, mesmo que eu não consiga lhe trazer a felicidade, eu lhe darei muito amor.

           Nessa parte o inesperado acontece ao em vez de Zayn dá um beijo caloroso na Lary ela que rouba um beijo que talvez nem o próprio Zayn poderia ser autor de tal.


           Mas os dois não poderiam ficar por mais tempo na tribo, poque o índio Bariri soube de toda a relação dos dois com o caso do Liam que tentou se matar e não achou certo deixar os dois pombinhos sem saber de tudo que eles tinham provocado por causa da vingança e foi correndo avisar.
          Logo quando souberam do acidente e do estado de nervos que Harry estava, voltaram correndo para casa, mas mal pararam para conversar e se explicar, o foco deles estava centrado em saber como Liam estava. Quando soube de todo o estado clinico de Liam, Laryssa desabou a chorar, e mais uma vez a culpa reprimia os corações de quem tinha feito besteira e pensado só em si.
          Liam não morreu, mas precisaria de um milagre pra sair dessa. Ele estava com traumatismo craniano, quebrou a clavícula, por causa do cinto de segurança, fraturou uma costela, perdeu muito sangue, estava em coma, ainda não se sabia a profundidade e estava com vários cortes e escoriações pelo corpo. O que complicava ainda mais o seu quadro clinico era o seu rim, que não estava funcionado direito e teve que fazer seções corriqueiras de hemodialise.


"A vida não é sempre como queremos porém não é por isso que devemos perder a esperança"


...

Nenhum comentário:

Postar um comentário